Rádio ou internet: entenda o que levar em consideração na hora de divulgar

A maior parte das pessoas quando está iniciando um negócio ou precisa divulgar um produto, se vê em dúvida com relação qual o melhor canal para investir e divulgar seu trabalho, não é mesmo?

Essa dúvida é normal pelo número de opções que temos e por não terem claro qual é o objetivo e o público-alvo.

Pensando nisso, vamos te ajudar a entender como descobrir se a melhor forma de fazer propaganda é pelo rádio ou internet.

Siga a leitura com a gente e confira algumas respostas que preparamos!

 

Você conhece o seu público e onde ele está?

Primeiramente, é indispensável que antes de divulgar seu serviço em qualquer lugar, você saiba para quem está falando.

Por que isso é tão importante? Porque não é possível elaborar uma boa estratégia de marketing sem saber alguns pontos, como:

  • o que seus clientes gostam de ouvir,
  • quais seus hábitos,
  • faixa etária,
  • e costumes

Além disso, saber onde eles estão localizados, do ponto de vista geográfico, é uma forma de perceber qual veículo de comunicação tem maiores chances de chegar até eles.

Imagina que você vende alimento para gado para pequenos produtores. O mais provável é que seu público esteja localizado na zona rural, então provavelmente não há internet ou o sinal é muito precário.

Isto nos leva a concluir que investir todo o seu dinheiro em propagandas no meio online não seja o melhor caminho.

E pegando esse mesmo exemplo, também conseguimos ter noção da linguagem que iremos usar com esse público, que será bem diferente de um público jovem e que vive na cidade.

Percebeu o quanto é relevante ter o máximo possível de informações a respeito da sua persona?

 

A internet é um bom meio de divulgação?

Se formos responder diretamente, a resposta é sim!

Todos os meios de comunicação são bons meios de divulgação de acordo com seu produto e público-alvo, como dito no tópico anterior.

Então, se você sabe que seu público vive a maior parte do tempo com acesso à internet, adora tecnologia, acompanha fã pages e redes sociais, passa a ser interessante colocar seu dinheiro nesse canal para dar visibilidade ao seu trabalho.

Além disso, a internet proporciona interação direta com o público.

Se as pessoas veem a sua propaganda e ficam com dúvidas, imediatamente eles podem comentar, e você interagir com elas.

Isso permite uma aproximação maior e até mesmo um relacionamento para que a persona seja convencida da compra.

 

O rádio oferece bons resultados mesmo com o avançado da internet?

Agora chegamos a uma dúvida que muitos têm por veem o rádio como algo que está perdendo espaço para novas tecnologias.

Mas esse é o maior dos enganos!

O rádio não só continua muito vivo, como constantemente tem se reinventado para acompanhar as principais tendências, o que o mantém entre os canais de comunicação mais queridos e notórios do público. Neste texto explicamos melhor essa popularidade.

Então se o rádio ainda permanece com grande acesso, ele não deve ser deixado de fora da sua estratégia de publicidade.

Como dito aqui, ao contrário da internet que dependendo do local não permite acesso, o rádio não tem esse problema.

É simplesmente o veículo de maior abrangência nacional. As pessoas escutam rádio em casa, no trabalho, no carro, no trajeto na rua, nas academias, enfim, ele está literalmente em todos os lugares.

 

É melhor diversificar e apostar nos dois?

Se o seu negócio tem um público amplo e que está presente tanto na internet, quanto no rádio, investir nos dois é sim a melhor forma de expandir sua marca.

O rádio é um veículo que ao longo dos anos ganhou a credibilidade das pessoas e passou a ser visto como um amigo, e pelo fato de estar em todos os locais, facilita o convencimento de grande parte, até mesmo para rápidas tomadas de decisão.

A internet apesar de não ter a credibilidade tão elevada quanto ao rádio, por ser um campo mais amplo e sujeito a todo tipo de divulgação.

Ela deve sim ser levada em conta em função da facilidade de compra instantânea através dos e-commercers.

Além, também da facilidade de quantificar e qualificar cada valor investido, o que no rádio já não é possível com tanta precisão.

Portanto, podemos perceber que ambos são uma ferramenta de divulgação que se complementam, e quando bem utilizadas, trazem excelentes resultados.

 

Ficou interessou em divulgar nas rádios? Crie uma campanha de divulgação na Unirádio e peça seu orçamento, é grátis. Clique aqui!

Posts relacionados

Deixe um comentário